Na Corda Bamba com o Euro

52% dos portugueses acham que o euro é prejudicial para a economia. Portugal sobe para o 7º lugar do clube da bancarrota. Portugal coloca 750 milhões em bilhetes do tesouro no mercado com a taxa de juro mais elevada já registada e com uma procura abaixo do estimado. Fernando Ulrich diz que o mercado já não dá o benefício da dúvida a Portugal. Commerzbank diz que a tensão está a aumentar para Portugal. Ministra da Cultura admite o colapso eminente do Estado Social. Berlim critica a política económica portuguesa.

Hoje está a ser um dia carregado de fortes abanões a Portugal.

Fiquei surpreendido com a percentagem de portugueses que “não gosta” do euro – 52%… o problema é que talvez poucos saibam qual a verdadeira razão do euro ser prejudicial para uma economia como a portuguesa… suponho que o euro esteja apenas a servir de fácil bode expiatório para os problemas que estamos a enfrentar.
De forma sucinta vou tentar explicar o porquê de ser danosa a sua utilização como moeda:

– O Euro é uma moeda FIAT, não representa valor, representa apenas dívida, ou seja, não é sustentado por mais nada a não ser por dívida emitida pelos Estados, não dá para resgatar o seu valor em, por exemplo, ouro ou prata, o que acontecia, por exemplo, com o Escudo, que tinha determinado valor em ouro que podia ser resgatado num banco.

– O Euro não é o culpado, a culpa está no facto de ser uma moeda FIAT que usa a riqueza do futuro (dívida) como valor facial. Ao invés o Escudo usava a riqueza gerada como seu valor facial.

– Todas as moedas FIAT tornam obrigatório o crescimento eterno da economia de forma a que o seu valor se mantenha sustentável… Acho que todos sabemos que  prever o futuro é uma acção que acarreta imensas variáveis que são quase impossíveis de contabilizar… por isso..
Que futuro tem o Euro FIAT? Aquilo que o futuro…

(Não fiquem preocupados caso não tenham conseguido entender o significado dos parágrafos que destaquei acima… se tudo correr bem o restante deste texto ajudará a clarificar algumas questões…)

Avançando mais um pouco, Portugal saltou para o 7º lugar da tabela dos países que provavelmente não irão conseguir cumprir com o pagamento da sua dívida.
Costumamos dizer que apenas no futebol Portugal consegue competir com os melhores, mas gostava de relembrar que na classificação do futebol mundial Portugal está em 8º lugar… portanto, podemos dizer que o sector mais representativo da imagem de Portugal lá fora é o da dívida de Estado…

Hoje, Portugal vendeu 750 milhões de euros de dívida – criou mais 750 milhões de euros, pois é desta forma que o dinheiro FIAT é criado – a uma taxa de juro que bateu todos os recordes… para além disso, a procura baixou significativamente…
Assim se continua a alimentar este circulo vicioso de mais moeda em circulação – desvalorização/inflação da moeda corrente – e mais dívida para pagar, o que por inerência leva a que seja necessário vender ainda mais bilhetes do tesouro – venda de dívida -, mais dinheiro seja criado e mais dívida gerada…
Onde irá isto parar?
Isto é um sistema exponencial, e o que acontece em todos os sistemas exponenciais é que a partir de determinado momento o mesmo torna-se imparável… mais dinheiro, mais dívida, mais dinheiro, mais dívida, mais dinheiro, mais dívida… cada vez mais rápido e de forma mais intensa…

Fernando Ulrich, Presidente do BPI, anui afirmativamente em relação a isto que escrevi acima… claro que aponta outras causas, mas que na sua essência são causas directas daquilo que escrevi…
Portanto, se as vacas sagradas do sistema começam a temer por ele…

Juntamente com ele, o Commerzbank da Alemanha afirma que a tensão está a aumentar sobre Portugal.
Isto poderá ser o sinal de que o sistema exponencial já esteja a passar o ponto em que depois se tornará imparável… e por conseguinte, insustentável…

A Ministra da Cultura diz que o Estado Social está em risco. em colapso eminente.
Respondido… o ponto sem retorno já poderá ter mesmo sido significativamente ultrapassado…
Estas são palavras do centro das vacas sagradas das políticas, que são quem dá luz verde à criação de mais dinheiro (dívida) e gere a dívida…

“Os défices públicos estão a obrigar a repensar o financiamento [do actual modelo]. “O Estado social está ameaçado”

In Diário Económico

Uma vez mais 2+2=4… ou seja… se o Estado precisa de cada vez mais dinheiro apenas para saldar os juros da dívida contraída é inevitável que o excedente seja cada vez menor de forma a conseguir realizar as acções básicas de um Estado democrático… não existe nada mais simples do que esta conclusão…
Este é mais um sinal da aceleração exponencial dos sistemas de moedas FIAT…

Berlim, já ciente que Portugal está a ultrapassar as barreiras físicas do sistema exponencial vem a terreiro dizer que não basta reduzir o défice, a economia tem de crescer.
Um sistema de moeda FIAT obriga que o crescimento da economia – receita – seja sempre superior ao da criação de dívida, sob pena da dívida entrar em espiral incontrolável… mas… mesmo que a economia continue a crescer eternamente, o constante avolumar da dívida exigida para manter o sistema de moeda FIAT em acção leva a que cada vez maior taxas de crescimento sejam necessárias de forma a que o motor continue a carburar… até… gripar… pois chega a uma altura em que o nível de crescimento terá de ser absurdamente elevado de forma a manter o sistema equilibrado…

Concluindo:
O Euro é uma moeda FIAT e como tal é geradora de dívida exponencial.
Portugal poderá ser a próxima Grécia, mas todos os países que usam moedas FIAT são Grécias em potência, pois todos os sintomas e maleitas são iguais para todos.
As moedas FIAT têm apenas 27 anos de existência… é uma experiência recente nunca antes tentada na história da sociedade humana. Todas as moedas que precederam as moedas FIAT foram moedas que tinham um valor intrínseco, ou seja, eram resgatáveis em algo de valor, como ouro ou prata…
Agora resgatamos o quê?
A dívida?
Mas alguém quer trocar o seu numerário por dívida?

Soluções?
Trocar de sistema… largar o sistema de moedas FIAT que alimenta apenas as grandes instituições bancárias que cunham a moeda e que colocam à sua mercê todos os cantos e recantos da sociedade…
As instituições bancárias são as soberanas do nosso mundo, tudo o resto são vassalos de um sistema perpétuo de dívida… um sistema onde todo o dinheiro que é criado volta para os seus criadores de forma a saldar o juros gerados pela criação do dinheiro… sistema exponencial…

Não basta apenas estar contra o Euro, pois isso será apenas o mesmo de estar contra a fome no mundo e não contra o sistema que gera a fome no mundo. O sistema é que é perverso não é o Euro, pois o Euro é só um nome dado a uma moeda e não o âmago do sistema…

P.S: O termo dinheiro FIAT é usado para definir

* toda a forma de dinheiro governamentalmente declarado ser de curso legal.
* dinheiro emitido por um Estado que não é convertível, nem o seu valor é baseado em algo tangível.
* dinheiro sem valor intrínseco.
* Escrito em português para todos – dinheiro que só tem valor porque o Estado decreta que tem, mas nada sustenta o seu valor… e essa é a principal diferença entre o Euro de hoje e o Escudo de ontem…

Notícia do Expresso – Política externa: 52 por cento dos portugueses consideram euro prejudicial para a economia — Estudo da Transatlantic Trends
Notícia do Expresso – Clube da bancarrota: Portugal sobe para 7º lugar
Notícia do Jornal de Negócios – “O mercado já não dá o benefício da dúvida a Portugal”
Notícia do Diário Económico – Commerzbank: “Tensão está a aumentar para Portugal”
Notícia do Diário Económico – Ministra da Cultura admite colapso iminente do Estado Social
Notícia do Diário Económico – Berlim critica política económica portuguesa
Notícia da Agência Financeira – Portugal emite dívida: juros a um ano disparam

About minhamosca

Em busca de mais conhecimento

Posted on 15/09/2010, in Artigos, Economia and tagged , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: