A Verdade é Como o Azeite… Às Vezes Vem à Superfície

Cientistas da NOOA retractam-se em relação às afirmações de sucesso na limpeza do Golfo. Cientistas descobrem mancha gigante de petróleo com 35 quilómetros . A NOOA só daqui a dois meses irá revelar a quantidade de petróleo que ainda permanece no Golfo.

E pimba!
Lá temos nós de ouvir uma vez mais uma instituição oficial retractar-se em relação a informação enganosa que tão pomposamente passou para o público.
Isto não é um caso raro, isto é o pão nosso de cada dia sempre que se trata de um problema que coloque em causa corporações financeiramente abastadas e os Estados economicamente desenvolvidos.

O descaramento e despudor das instituições que vivem às custas do dinheiro dos Zé Povinhos do mundo é algo que roça o puro insulto.

Portanto, os cientistas da NOOA (Administração Nacional Para a Atmosfera e Oceanos) têm outros interesses que não os científicos. São pagos e andam a reboque de causas que não a ciência e a informação correcta do público.

Daqui a dois meses – tempo que a NOOA diz precisar para realizar o relatório final sobre a quantidade de petróleo que ainda está no Golfo, irão apresentar números em que neles só irá confiar quem quer realmente acreditar que o mundo é preto e branco, quando na realidade é apenas um grande cinzento (Frase “roubada” a Tiago L. que acho que define bem parte do mundo em que vivemos).

Enquanto isso, cientistas independentes da NOOA e da Administração Obama, encontraram uma mancha de pequenas gotas de petróleo que se estende por mais de 35 quilómetros. 35 quilómetros abrange a área de Lisboa e arredores, ou a área do Porto e arredores – apenas para se conseguir visualizar o tamanho de tal coisa.

Continuemos a acreditar nos relatórios das instituições públicas e iremos viver grande parte das nossas vidas num universo pintado a inverdades. Está na altura de se voltar a dar valor às pesquisas verdadeiramente independentes e dar menos cavaco aos grandes monopólios científicos – NOOA, agências de pesquisa atmosférica ocidentais, ONU, etc, etc, etc… que já por tantas vezes provaram que os seus estudos estudam mais os interesses financeiros e interesses  que por vezes não sabemos bem quais são, do que os verdadeiros interesses da ciência.

A ciência tem de voltar a ser a arte da procura de explicações (verdades) e não a arte de pintar o desejo de verdade dos outros…

P.S: Onde andam os meios de comunicação em Portugal? Será que isto é menos importante do que o acidente que irá acontecer na A23 em que um carro irá capotar e ferir um pombo? Estaremos nós a ser informados ou somos deixados ao abandono da ignorância?

Notícia do The Guardian – BP oil spill: US scientist retracts assurances over success of cleanup
Notícia do The Guardian – BP oil spill: scientists find giant plume of droplets ‘missed’ by official account
Notícia do The Huffington Post – Gulf Oil Spill: Full NOAA Report On Amount Of Oil In Gulf Won’t Be Released For MONTHS

About minhamosca

Em busca de mais conhecimento

Posted on 20/08/2010, in Ambiente, Corrupção and tagged , , , , , , . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: