Os Salões de Beleza do Estado

Contas maquilhadas fazem descer a despesa.

Conta-nos o Correio da Manhã que o Estado anda a maquilhar as despesas dos fundos e institutos autónomos do Estado, como por exemplos os institutos públicos.

Com que então agora temos uma nova linhagem de “bananas”: os maquilhadores… Será que um dia destes ainda abrirão um franchising do salão de beleza?

Quem nos garante que esta maquilhagem não é um caso generalizado nas contas públicas?
Como podemos confiar nas fórmulas usadas para as contas públicas se quase todos os anos as modificam?
Como podemos confiar nas contas públicas se nem sequer a inflação é seguida de forma “isenta”?
Por exemplo: Se este ano se o preço do pão aumentar muito (como é esperado), nas contas do Estado para a cesta de inflação o pão será trocado por “Panrico”, porque assume-se que quando um produto fica caro demais as pessoas o trocarão por outro mais acessível, no exemplo que dei, por Panrico…

Em relação à notícia propriamente dita… está tudo dito na notícia original… JOBS FOR THE BOYS… e os bois, que são o Zé Povinho, continuam a ser o pasto de onde se alimentam estas bestas…

Para uma melhor compreensão de como os Estados brincam com os números da economia, nada melhor do que ver o capítulo 16 do Crash Course de Chris Martenson:
Fuzzy Numbers:

Notícia do Correio da Manhã – Contas maquilhadas fazem descer despesa

About minhamosca

Em busca de mais conhecimento

Posted on 16/08/2010, in Corrupção and tagged , , , , . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: