Os Novos Delatores (Pagos a Peso de Ouro)

A traição de um banqueiro. Compra de dados de fuga ao fisco renderá à Alemanha 2 mil milhões de euros. Suspeita de nomes terem sido apagados do CD roubado do Liechtenstein.

Uma nova forma de delator está a surgir. Há uns anos era à máfia a quem os Estados pagavam por informações. Hoje em dia? Hoje em dia é a banqueiros que revelam segredos das contas dos seus cliente.
Qual a diferença entre máfia e banqueiros? Se calhar apenas o nome “profissional”…

O primeiro arrependido, pago a peso de ouro pelo seu arrependimento, a vir a público foi um banqueiro suíço chamado “Birkenfeld” – se calhar é nome de código, que foi considerado a personagem do ano de 2009 nos Estados Unidos. Por muito arrependido que esteja um criminoso, as suas acções passadas não deixaram de ser crime. e considerar tal personagem a personagem do ano acho que atesta bem dos valores abstractos que grassam na nossa sociedade moderna.

O antigo banqueiro da UBS revelou os nomes de alguns americanos que fugiam ao pagamento de impostos através do paraíso fiscal que é a Suíça, e revelou um imenso esquema fraudulento.
Surpresa? Só pode ter sido surpresa para os “bananas” e para os meios de comunicação social, porque até o Zé Povinho mais distraído sabe bem que os paraísos fiscais são mesmo paraísos… enfim…

A Alemanha e mais 13 países pagaram a um delator que trabalhava num banco no Liechtenstein para saberem os nomes de quem andava a fugir ao fisco usando os paraísos fiscais do Liechtenstein e da Suíça.
Os cd’s revelavam o nome de mais de 6 mil pessoas – todos uns pobretanas -. desde alemães, americanos, suíços, etc, etc, etc
O delator também expõe a sua consternação e surpresa por até agora só um dos 46 nomes políticos sonantes ter sido julgado por fraude. Diz que se lhe pagarem mais revelará os outros 45 nomes. Mais corrupção? Enfim… corrupção sobre corrupção, é um ciclo vicioso sem fim…

Isto é mesmo pura máfia – se lhe pagarem ainda mais revelará os outros 45 nomes? Vergonha, vergonha… Em Estados de direito em que se pode prender quem quer que seja (desde que fundamentado) até mesmo para lá das fronteiras dos próprios países, usando a Interpol como exemplo, ainda existem ilhas e paraísos que estão acima das leis dos países e das pessoas. Os bancos, ao contrário daquilo que a maioria acha, são Estados dentro dos Estados com regras e leis próprias que se sobrepõem a todas as leis do país onde estão sediados. As leis que muitos dos bancos usam são as leis marítimas e não as leis dos Estados – Isto é algo que deixo para quem quiser informar-se quais as consequências de tal legislação independente. (Lloyd’s Law Reports)

Quantos sabem que o centro financeiro inglês é uma “cidade” dentro da cidade de Londres e um país dentro de Inglaterra constitucionalmente reconhecido, chamado The City?

The City de Londres tem um estatuto político único, um legado da sua ininterrupta integridade como cidade corporativa desde o período anglo-saxónico e a sua relação com a Crown. Historicamente o seu sistema de governo era comum, mas não foi reformado pela Acta de Reforma Municipal de 1835 e muito pouco mudou desde então (…) The City tem um sistema eleitoral único. A maioria dos seus eleitores são representantes de corporações ou de outros interesses que ocupam cargos na The City.

In Wikipédia

Isto é apenas um exemplo da pouca transparência com que temos de lidar e estar atentos quando ouvimos falar sobre a banca…

Notícia do Global post – Telling Swiss secrets: A banker’s betrayal
Notícia do Dinheiro Digital – Alemanha: Compra dados sobre fugas ao fisco renderá 2.000 M€
Notícia do Diário Económico – Suspeita de ‘delete’ no CD roubado do Liechtenstein

About minhamosca

Em busca de mais conhecimento

Posted on 06/08/2010, in Bélico, Corrupção and tagged , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: