Hungria… Onde os Bancos Realmente Pelam (Que Inveja)

O bancos húngaros pedem para que a taxa especial termine rapidamente. Hungria diz ao FMI que não deseja o acordo proposto, e em risco está o acordo com a União Europeia. Moody’s ameaça baixar o rating da Hungria.

Ah, como é bom ver alguém pegar no poder que lhe é conferido pelo Zé Povinho e usá-lo para tirar dos mais ricos para equilibrar as contas da sua nação. O caso da Hungria é tão raro que para mim quase merece o Prémio Nobel da democracia.

Se compararmos isto com os 4,3% de IRC que a banca portuguesa pagou em 2009 é verdadeiramente uma lufada de ar fresco. O governo húngaro está fazer aquilo que eu chamo bom senso – se foi a banca privada que andou a brincar no casino da economia mundial e perdeu dinheiro porque há-de ser o Zé Povinho a pagar por isso?
Espero estar vivo para um dia assistir a isto no meu país, em que as medidas não sejam sempre para proteger a banca e empobrecer cada vez mais o Zé Povinho.

Mas nesta demo-cracia levantam-se logo as vozes que dizem que isto é uma loucura, que tal não pode ser feito, que a economia vai pelo cano abaixo, etc…
A Moody’s ameaça já baixar o rating à Hungria, exemplo de como as instituições saem a terreiro para defender os seus interesses, e os dos seus “amigos”…

Gostava de dizer que a economia de um país começa nas suas pessoas, no Zé Povinho, elas é que são o core da sua economia não os bancos privados, tanto mais que todos os estados podem (e deviam) cunhar a sua moeda, ao contrário do que actualmente acontece em que interesses privados assumem essa responsabilidade, uma das mais importantes responsabilidades de todos os estados que são realmente independentes.

Pensem só nisto. Se Portugal cunhasse a sua moeda – mesmo o Estado, nada de bancos privados pelo meio, não teria problemas com as taxas de juro pois seria ele o banco. Estamos actualmente num ciclo vicioso em que é pedido dinheiro emprestado para pagar os juros de empréstimos já contraídos… isto é um buraco sem fim… um esquema em pirâmide que está destinado a falhar, ou no pagamento, ou na continuada delapidação da riqueza do país e do seu Zé Povinho, que cada vez terá um maior fardo de impostos que arcar.

Ah Hungria… sabe tão bem ver um pouco de justiça no mundo…

Notícia da CNBC – Hungary’s Banks Want Special Tax Ended Soon

Notícia do Dinheiro Digital – Moody´s ameaça baixar rating da Hungria

Notícia da CNBC – Hungary Signals IMF Deal Over; EU Goal in Doubt

About minhamosca

Em busca de mais conhecimento

Posted on 23/07/2010, in Banca, Corrupção and tagged , , , , . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: